ELEIÇÕES 2020; Enquete ilegal é desbancada pela Justiça Eleitoral

  • Redação Clubei

ELEIÇÕES 2020; Enquete ilegal é desbancada pela Justiça Eleitoral

O escritório de advogados especialistas em Direito Eleitoral, Bressan, Serpa, Prezotto e Schelp, de Florianópolis, acionou a Justiça Eleitoral de Palhoça contra um site irregular, que realizava enquetes eleitorais e acabou conseguindo a derrubada do portal em todo o país.

O endereço “eleicao.site” promovia, em todos os municípios brasileiros, enquetes para medir o percentual de votos dos candidatos, o que é totalmente vedado pela legislação eleitoral. O site apresentava até mesmo uma pesquisa para a corrida presidencial de 2022.

Para a Justiça Eleitoral, a manutenção do site no ar significaria “um enorme potencial de desinformação a ser causada pela divulgação ilícita de enquetes promovidas sem o menor rigor científico e que podem servir para iludir o eleitor macular o processo democrático, o que demonstra a gravidade e seriedade da situação”.

O site, hospedado nos EUA, dificultava a identificação dos criadores e vinha atuando nas eleições municipais de forma anônima, o que caracteriza mais uma conduta vedada pela legislação eleitoral.

Deixe seu Comentário

Sua opnião é importantíssima para continuarmos a melhorar nosso trabalho.